1º Encontro Clube OPC Portugal

A evolução da espécie.

    Há momentos da nossa vida que apesar de parecerem normais, causam um formigueiro de excitação dentro de nós. Como sabem, um dos membros da All Wheels Photography possuí um modelo da divisão desportiva da Opel, a OPC (Opel Performance Center) cuja sede e central de desenvolvimento fica junto à mítica pista de Nürbürgring, na Alemanha. Este modelos de carácter desportivo são baseados nos modelos Opel mas «sofrem» uma série de alterações e melhorias que os transformam por completo. Desde o virar do milénio que a aventura dos modelos desportivos da Opel tem atraído os fãs da marca e apesar de serem modelos exclusivos, a sua procura nunca atingiu os números que a marca projectou, o que faz com que fotos como as que aqui vemos sejam algo raras, ainda mais no nosso país.

Uma visita que veio mostrar que também as autoridades sabem apreciar bons automóveis.

    Noutros países, talvez pela melhor capacidade de compra e outras filosofias automóveis, os modelos OPC viram melhores dias e com mais veículos da divisão desportiva da Opel na estrada, mais fácil é para se reunirem e conviverem, falar sobre os seus automóveis ou apenas apreciá-los. Já em Portugal, tal nunca foi feito. E isso tinha de mudar. Em 2016 surge no facebook o Clube OPC Portugal, que visava reunir os donos portugueses de modelos da referida divisão desportiva. Apenas dois anos depois se conseguiu reunir um grupo de donos dos OPC e celebrar os automóveis que os unem.

O autocolante do evento. Catita, não?

   Apesar de não ter sido possível reunir todas as versões dos modelos, conseguiu-se reunir ainda quase duas dezenas de modelos, entre os quais versões do Opel Corsa D (dos quais uma versão Nürbürgring), Corsa E, Astra H, Astra J e Insígnia. O mote estava lançado, faltava apenas reunir as pessoas e os seus modelos num programa e numa cidade que fosse o mais equilibrado possível em termos de distância para todos os presentes. Depois de uma votação, escolheu-se a cidade da Figueira da Foz e o dia 2 de Dezembro como os detalhes principais do que viria a ser o primeiro encontro oficial do Clube OPC Portugal.

   Rapidamente o dia chegou. Rumámos a norte ainda na véspera para que conseguíssemos descansar melhor e claro, podermos aproveitar o melhor possível o dia. O ponto de encontro estava marcado para as 10h, junto ao hotel Eurostars Oasis Plaza, em frente à praia da Figueira da Foz. Rapidamente as duas caravanas (do norte e do sul do país) chegaram e pudemos vislumbrar desde logo o impacto que estes automóveis ainda causam nos transeuntes e principalmente nos que gostam de automóveis. Antes de rumarmos ao segundo local do evento, colámos os autocolantes alusivos ao evento, cortesia de uma das parcerias do evento, a empresa de personalização automóvel MS Customs e entregou-se também os vouchers de oferta da 2255 Car Detail, empresa de cuidado automóvel que apoiou este evento desde o início.

    A AutoIndustrial da Figueira da Foz foi a ponte estabelecida entre o Clube OPC Portugal e a Opel Portugal, na pessoa do Sr Henrique que apesar de não poder estar presente, ofereceu-nos o stand, oficinas e um generoso lanche para que nos pudéssemos sentir em casa, enquanto experimentávamos alguns dos modelos em exposição e claro, falávamos sobre os modelos OPC e a sua evolução. Agradecimentos também aqui ao Sr. António que nos recebeu a um domingo de manhã. E claro, aproveitamos as oficinas para algumas fotografias… bem, bastantes fotografias dos modelos pertencentes à caravana do encontro.

    Com o horário mais apertado que o previsto, rumámos ao local do almoço, a Quinta da Salmanha nos arredores da Figueira, para um repasto bem composto e bem regado. Com parqueamento privado e vedado, as máquinas ficaram junto à janela do salão e atraíram a atenção dos restantes utilizadores do restaurante.

A desfilar pela cidade.

   Seguiu-se um passeio pela cidade com subida até ao Abrigo da Montanha. Pelo caminho aproveitamos para algumas fotos em andamento e já no alto junto ao Abrigo houve tempo para mais dois dedos de conversa enquanto aquecíamos as mãos e os pés, dado que a temperatura começava a cair. Fotos aos bólides tiradas, e a esperada e típica foto de família registada e dirigimo-nos para o ponto final do evento, junto ao McDonalds da cidade onde nos despedimos e claro, começamos já a participar na discussão salutar do próximo evento a realizar já em 2019.

error: Content is protected !!